fbpx

Bebê arco-íris e bebê estrela: o que significam?

bebê arco-íris

Estes dois termos são bem conhecidos pelas mulheres que sofreram um aborto espontâneo. Se você ainda não sabe o que eles significam ou quer saber mais, aqui eu vou te explicar seguindo uma certa ordem cronológica.

O que é bebê estrela?

É um bebê que subiu ao céu e virou estrela por conta de um aborto espontâneo, independente do momento em que esta perda acontece, no começo no meio ou no final da gestação. Ele é é o seu anjinho da guarda que sempre vai ser o seu filho e nunca será substituído.

Não é porque uma mãe perde um bebê durante a gestação que ela deixa de ser mãe. Tenha certeza que você não deixou de ser mãe porque o seu bebê foi perdido durante a gestação, você é mãe de um bebê estrela. Assim mesmo, ao perder um bebê é importante viver o luto dessa perda, tentar entender e aceitar o processo que levou a esta situação.

O que é um bebê arco-íris?

Um bebê arco-íris, assim como o fenômeno da natureza, surge após um temporal. O filho que nasce depois de um bebê estrela é um bebê arco-íris, mas para ter um bebê arco-íris você não necessariamente precisa ter tipo uma perda gestacional.

Por exemplo, um casal que foi desenganado sobre a possibilidade de engravidar, mesmo sem ter passado por um aborto anterior, também pode ser considerado um bebê que nasce como um milagre e bebê arco-íris.

Principalmente nos Estados Unidos, o termo bebê arco-íris é utilizado quando você ainda não superou a perda de um bebê estrela. Lá eles consideram que se a perda foi superada ou se não houve um trauma na perda, o bebê não “ganha o status” de bebê arco-íris a não ser que você queira.

Com tudo isso fica claro que um bebê arco-íris não vem para substituir um bebê estrela, mas sim para iluminar e dar cor à vida de uma família que passou por uma tempestade.

Você superprotege o seu bebê?

Pode acontecer que a mãe de um bebê arco-íris, pelo trauma vivido anteriormente, superproteja o seu bebê sem perceber, impedindo que ele tenha frustrações, se machuque, chore ou seja contrariado. Se isso está acontecendo com você, nós precisamos conversar.

O seu bebê arco-íris veio trazer luz e alegria para a sua vida, veio te provar que após a tempestade vem a bonança, mas ele não pode carregar o peso de preencher o vazio que o bebê estrela deixou no seu coração. Para uma criança é muito complicado ter um cargo tão impossível de corresponder, pois o seu bebê estrela sempre existirá dentro de você.

Esta nova vida tem grande significado para você, mas também é uma vida que precisa ser vivida plenamente. Nós criamos nossos filhos para o mundo!

Se você não consegue se enxergar fazendo outra coisa que não seja viver em função e para proteger o seu bebê de tudo para o resto da sua vida, talvez seja importante você ter um apoio emocional profissional, pois isto é um indício que você ainda precisa lidar com a perda anterior.

O risco de resolver tudo para nossos filhos

Quando a gente superprotege nossos filhos a gente impede que eles um dia possa ser independentes. A final, não estamos presentes em todos os momentos, por exemplo, quando ele tiver que resolver um problema na escola sem você, socializar e lidar com as frustrações da vida? E não estou falando apenas de um problema de bullying, mas inclusive no aprendizado de um problema de matemática, por exemplo.

A frustração de uma criança superprotegida será muito maior cada vez que ela está diante de um desafio. E quando ela começar a ter relações? Ser deixado por uma namorada ou namorado pode ser um golpe muito grande para uma pessoa que não aprendeu a lidar com as frustrações durante a infância.

Nunca seremos capazes e nem podemos prevenir todas as dores de uma vida e, apesar de que seu bebê veio para realizar o seu sonho, ele também veio para realizar os próprios sonhos deles e para isso, ele precisará que você permita que ele cometa seus próprios erros e supere suas frustrações, levante a cabeça para seguir em frente. Afinal, nós criamos nossos filhos para o mundo!

Quer que eu te conte?

Monica Romeiro

 

Sou Monica Romeiro, mãe do Lucas e da Larissa. Amo compartilhar minhas experiências e passar informações corretas e seguras para as mulheres que sonham em engravidar, para gestantes e para mamães. Convido você a conhecer meu blog e canal no YouTube.

 

 

 


Quem leu este post também se interessou por:

 

subir

Pin It on Pinterest