fbpx

Infecção urinária na gravidez

infecção urinaria na gravidez

A infecção urinária atinge muitas gestantes. Isso porque as mudanças de hormônios durante a gravidez acabam afrouxando a uretra. Então, aquele fluxo de urina do rim para a bexiga acaba ficando mais lento e com essa demora, dá mais tempo para as bactérias se proliferarem.

Algo importante a dizer é que nem toda infecção urinária produz sintomas, mas todas elas trazem riscos para você e para o bebê.

Sintomas da infecção urinária

– Ardor na hora de urinar

– Vontade de urinar, mas ao ir ao banheiro, fazer pouco xixi.

– Sensação de bexiga sempre cheia

– Dor no baixo-ventre

– Urina mais escurecida

– Urina com um odor forte

– Mudança na quantidade de urina que você produz, podendo ser mais ou menos do que geralmente você está acostumada

– Sangue na urina

– Pus na urina

– Febre

– Dor durante a relação sexual

Nem todos os sintomas se manifestam e também é possível que a infecção urinária não produza sintomas, porque ela pode acontecer em qualquer local do trato urinário.

O que causa a infecção urinária?

As causas mais comuns da infecção urinária são as bactérias da pele, da vagina e do ânus.

Em geral, a infecção urinária atinge mais as mulheres sexualmente ativas entre 20 e 50 anos, porém durante a gravidez, a infecção está mais relacionada com o que comentei anteriormente, sobre a maior lentidão do fluxo da urina dar mais tempo para a proliferação das bactérias.

Acho que tenho uma infecção urinária. E agora?

A primeira coisa a fazer se você acha que está com uma infecção urinária é entrar em contato com o seu obstetra. Para comprovar a existência da infecção, você vai precisar fazer um exame de urina.

Somente após o resultado do exame que vai analisar a presença da infecção o seu médico irá indicar o melhor tratamento para você. Eu não quero nem citar as possibilidades de remédios porque a automedicação é extremamente perigosa. O que posso garantir é que o tratamento não é sempre igual, por isso, não siga o tratamento que funcionou para uma amiga ou familiar, pois o seu caso pode ser diferente.

Como evitar a infecção urinária na gravidez?

Apesar de que a infecção urinária pode surgir mesmo quando você tomar todos os cuidados possíveis, existe uma série de dicas para reduzir o seu risco:

  • Não segurar a vontade de urinar.
  • Beber muito líquido. A gravidez, por comprimir a bexiga acaba aumentando a vontade de urinar. Não por isso você pode beber menos água para ir menos ao banheiro, ok?
  • Depois de urinar, sempre fazer a higiene de frente para trás, para evitar levar a contaminação do ânus e vagina para o canal da urina. Se você tiver uma ducha higiênica, melhor ainda!
  • Após as relações sexuais, tente expelir o sêmen que fica dentro da vagina fazendo uma pequena forcinha, como uma contração leve e depois, faça xixi e lave a região, de preferência com sabonete neutro.
  • Tome suco que cranberry. Apesar de não existir uma comprovação científica definitiva, este suco não tem restrições e existem estudos que sugerem seu benefício para ajudar a evitar a infecção urinária. Portanto, não te fará mal e talvez pode ser um complemento de sua proteção.

Nenhuma dica que dei irá curar uma infecção urinária existente, por isso, em primeiro lugar comprove a existência da infecção com um exame de urina e segundo, siga as instruções do seu médico para o tratamento.

Quer que eu te conte?

Assista a versão em vídeo deste post:

Monica Romeiro

 

 

Sou Monica Romeiro, mãe do Lucas e da Larissa. Amo compartilhar minhas experiências e passar informações corretas e seguras para as mulheres que sonham em engravidar, para gestantes e para mamães. Convido você a conhecer meu blog e canal no YouTube.

 

 


Quem leu este post também se interessou por:

 

subir

Pin It on Pinterest